Você está lendo:
[ENTREVISTA]: Jess Glynne em Dubai!

Jess Glynne tomou partido para Dubai nesta semana. A cantora irá se apresentar no Dubai Design District’s Meet d3, um evento de “design, lifestyle e fashion”. O website Gulf News publicou uma entrevista sobre um pouco de sua música, trabalho e estilo de vida.

Olá Jess, você está na cidade para o “Meet d3”, então, nos conte: Como é sua relação com a moda? Qual seu estilo pessoal?

Eu amo a moda. Eu amo me sentir bem com tudo que visto. Sobre meu estilo eu gosto de um visual mais suave, um look casual dia a dia. O que eu sinto sobre a moda e o estilo é que você deve usar o gosta e não se preocupar com o que possam pensar sobre, pois você deve se sentir feliz e confortável com o que usa.

Se passou quase um ano quando nos falamos — foi antes do lançamento do seu álbum. Quanto sua vida mudou desde esse acontecimento?

Esse álbum me levou por todo o mundo e me fez ter experiências que genuinamente eu nunca pensei que teria. Eu agora alcancei um ponto no qual posso começar a mostrar o que amo criativamente e começar a levar a outras dimensões quem eu sou como artista. Eu tenho todos os meus fãs a agradecer!

Você passou três anos ou quase trabalhando no seu álbum. Você lembra qual foi seu primeiro sentimento quando começou a escutá-lo, do começo ao fim?

Eu estava tão orgulhosa do que tínhamos feito e agradecida por ter uma equipe que me ajudou a realizar meu sonho.

Você tem essa propensão em criar grandes hits, hinos atemporais, como Hold My Hand. Isso é algo que você pretende quando está no estúdio?

Eu não entro em estúdio com um objetivo certo. Eu só quero fazer música e ser completamente honesta, e é isso que eu amo.

Também há um senso de otimismo e esperança em suas músicas. Você se considera otimista?

Meus pais sempre me disseram que “você colhe o que planta”. “O meu copo está sempre meio cheio ao invés de meio vazio.”

No que você está trabalhando por agora em termos de música? Haverá um novo álbum para 2017?

Eu ainda não fiz um cronograma, mas sim, eu estou trabalhando em uma nova música e estou ansiosa para as gravações.

Após entrar nesse mundo profissional de turnês e gravações, o que a vida se tornou para você? Você já veio de uma família musical?

Meus pais eram viciados ouvintes, amavam música e me apoiavam… Deram oportunidades para que eu vivesse meu sonho. Eles me apresentaram o primeiro álbum da Amy Winehouse, o que foi uma inspiração pra mim. Ela veio da mesma parte de Londres que eu, e também em um mesmo cenário então eu me inspirei muito nela. Eu tive trabalhos normais como no varejo e em uma academia etc.. Eu trabalhava, saia com amigos e vivia uma vida normal.

Você havia dito antes que falava para sua mãe que gostaria de ser musicista porém sem a fama. Essa afirmação ainda persiste?

Minha música, meus amigos e minha família são os mais importantes para mim. A fama acarreta o sucesso e isso é inevitável. Eu acho, não é uma prioridade para mim.

Finalmente, 2016 está quase acabando. Quais são as sua resoluções de ano novo para 2017?

Eu não tenho nada ainda. Me pergunte na véspera do ano novo!


COMENTÁRIOS

Galeria de Imagens

© 2014 Jess Glynne Brasil | Hospedado por Flaunt - Layout, Direitos reservados.